Notícia

Março/2011
Atividade Lingua Portuguesa - 8ª Série (Aquarela)

As turmas de 8ª série do Ensino fundamental do Colégio Luterano Concórdia em 2011 passam a contar com mais um importante Projeto Educacional: MEIO AMBIENTE E TRÂNSITO: EU TAMBÉM ESTOU NO MEIO. Vivemos na atualidade, grandes dificuldades em relação ao trânsito de nossa cidade, dessa forma, é imprescindível tornar o nosso aluno consciente de suas funções diante deste tema. Estamos sujeitos a perigos o tempo todo, o que nos revela vulneráveis a certas fatalidades.

Para introduzir o projeto em sala de aula, as professoras de Língua Portuguesa, Carine Carlosso (82) e Marilise Ribeiro (81, 83, 84) realizaram importantes atividades a partir da letra e da música AQUARELA de Toquinho e Vinícius de Moraes, onde foi possível desenvolver e estimular a criatividade, a imaginação, o gosto pela linguagem musical e ainda, interpretar, fixar conceitos da língua portuguesa. A escolha desta música veio a atender as expectativas das professoras quando os alunos passaram a relacionar a letra com a justificativa da existência do projeto.

A mesma está fundamentada em nossa própria existência, somos seres humanos, nascemos, crescemos, nos reproduzimos e morremos. Este é o ciclo normal de uma vida, porém, muitas vezes percebemos a interrupção do mesmo e nos chocamos, sofremos.

Esta reflexão levou a compreensão de que no início de nossas vidas somos dependentes e vamos buscando nossa independência quando contamos com nossas próprias mãos, errando ou acertando tentando alcançar nossos objetivos. Quando coisas ruins e boas surgem, nos cabe aproveitar de maneira consciente, até então, aparecerem responsabilidades maiores e que dependendo de como agimos até este momento nosso futuro nos sorrirá, nos proporcionando viver momentos de sabedoria e apreço junto àqueles que estarão ao nosso lado. E assim, é a vida! A vida de todo mundo tem o mesmo início, meio e que um dia terá um fim e “descolorirá”. (Confira as fotos da atividade artística realizada pela turma 81)

Texto: Marilise Ribeiro